domingo, 26 de setembro de 2010

The Blank Tapes na Serra da Mantiqueira

Matt Adams e os outros integrantes do The Blank Tapes.
"(...) there’s something in him too of the complete and casual confidence of the Southern California soul surfer—do you know what those are? They’re the ones who surf for spirit, not for sport, and when you think of sunsets over endless water you are thinking like a soul surfer and you are thinking maybe a bit like Matt Adams, too".

Ontém fomos conferir o último show dos californianos The Blank Tapes, em sua passagem pelo Brasil. A noite estava bastante fria. Subimos a Mantiqueira e pegamos uma neblina fechada (a impressão no volante era de estar jogando "Enduro" num Atari 2600, rs). Mas enfim, chegamos a tempo quando os caras, já no palco, iniciavam a segunda música. A apresentação rolou no Festival da Montanha, em Santo Antonio do Pinhal (SP), para um pequeno público que se acomodou tranquilamente na simpática "praça japonesa". A certa altura os mais animados subiram no palco, dançaram e dividiram os microfones com a banda no refrão. Praticamente uma festa de amigos.

O show foi muito bacana, embora a organização tenha deixado a desejar, a ponto do Matt ter que  solicitar, antes da última música, a descida do palco de um daqueles bêbados folclóricos da cidade que mandou uma coreografia bizarra durante uma música inteira. Mas enfim, isso não atrapalhou um final memorável com a bela canção "Long Ago".


Para quem não conhece o som dos caras, abaixo seguem dois videos com versões acústicas das músicas que compuseram a trilha sonora do comercial do Sonho de Valsa e que de certa forma, aproximaram o The Blank Tapes do público brasileiro.

Esse vídeo é de uma apresentação recente no Bazaar Cafe, em São Francisco CA. A canção é a "Long Ago", a música com a qual fecharam a apresentação em Santo Antonio do Pinhal...


... e essa é uma versão com ukulele de "Listen to the One":


Antes de chegarem ao Brasil, o Luciano Burin (SurfeCult) entrevistou o vocalista e guitarrista Matt Adams por email sobre as expectativas da turnê brasileira e as influências sonoras da banda. Confira aqui.

Um comentário:

  1. bá... fiquei na vontade.. não rolou de eu ir em curitiba... hehe

    abraço

    ResponderExcluir